logo psicologos em brasília_Mesa de trabajo 1

O que é Lateralidade Motora?

A lateralidade motora é uma habilidade que envolve a preferência e o domínio de um dos lados do corpo para realizar atividades motoras. É a capacidade de usar de forma eficiente e coordenada os membros superiores e inferiores de um lado específico do corpo, seja o lado direito ou o lado esquerdo.

Desenvolvimento da Lateralidade Motora

O desenvolvimento da lateralidade motora ocorre ao longo da infância e é influenciado por diversos fatores, como a genética, o ambiente familiar e as experiências motoras vivenciadas pela criança. Durante os primeiros anos de vida, as crianças ainda não possuem uma lateralidade definida, mas gradualmente vão desenvolvendo preferência por um dos lados do corpo.

À medida que a criança cresce e se desenvolve, ela começa a demonstrar uma preferência por usar uma das mãos para escrever, desenhar, cortar, entre outras atividades. Essa preferência é conhecida como lateralidade manual e está diretamente relacionada à lateralidade motora.

Importância da Lateralidade Motora

A lateralidade motora desempenha um papel fundamental no desenvolvimento motor e cognitivo da criança. Quando a criança desenvolve uma lateralidade bem estabelecida, ela adquire maior habilidade e precisão nas atividades que envolvem coordenação motora fina e grossa.

Além disso, a lateralidade motora está relacionada ao desenvolvimento da lateralidade cerebral, ou seja, a preferência por usar um dos hemisférios cerebrais para realizar determinadas tarefas. Essa especialização cerebral é importante para o desenvolvimento das habilidades cognitivas, como a linguagem, a leitura, a escrita e o raciocínio lógico.

Distúrbios da Lateralidade Motora

Em alguns casos, o desenvolvimento da lateralidade motora pode ser comprometido, resultando em distúrbios conhecidos como lateralidade indefinida ou lateralidade cruzada. Nessas situações, a criança não apresenta uma preferência clara por um dos lados do corpo, o que pode dificultar a realização de atividades motoras e interferir no seu desenvolvimento global.

Os distúrbios da lateralidade motora podem ser diagnosticados por profissionais da área da saúde, como fisioterapeutas, terapeutas ocupacionais e psicólogos. O tratamento desses distúrbios geralmente envolve a realização de atividades específicas para estimular o desenvolvimento da lateralidade motora e a reorganização das conexões cerebrais.

Atividades para Estimular a Lateralidade Motora

Existem diversas atividades que podem ser realizadas para estimular o desenvolvimento da lateralidade motora. Essas atividades podem incluir exercícios de coordenação motora, jogos que envolvam o uso dos membros superiores e inferiores, brincadeiras com objetos que estimulem a manipulação e a precisão dos movimentos, entre outras.

É importante ressaltar que as atividades devem ser adequadas à idade e ao nível de desenvolvimento da criança, além de serem realizadas de forma lúdica e prazerosa. O envolvimento dos pais e dos profissionais da área da saúde é fundamental para garantir que as atividades sejam realizadas de maneira adequada e eficaz.

Benefícios do Desenvolvimento da Lateralidade Motora

O desenvolvimento da lateralidade motora traz diversos benefícios para a criança. Além de melhorar a coordenação motora e a habilidade para realizar atividades do dia a dia, a lateralidade motora também contribui para o desenvolvimento da autoconfiança, da concentração, da organização espacial e temporal, e da capacidade de resolver problemas.

Uma lateralidade motora bem desenvolvida também pode facilitar a aprendizagem escolar, uma vez que a criança terá maior facilidade para escrever, desenhar, recortar, entre outras atividades que são realizadas no ambiente escolar.

Considerações Finais

A lateralidade motora é uma habilidade essencial para o desenvolvimento motor e cognitivo da criança. É importante que os pais e os profissionais da área da saúde estejam atentos ao desenvolvimento da lateralidade motora e ofereçam estímulos adequados para seu desenvolvimento.

Atividades lúdicas e prazerosas, que envolvam o uso dos membros superiores e inferiores, podem ser realizadas para estimular a lateralidade motora. Além disso, é fundamental buscar orientação profissional caso haja suspeita de distúrbios da lateralidade motora, para que seja feito o diagnóstico correto e o tratamento adequado.