logo psicologos em brasília_Mesa de trabajo 1

O que é Xantopsia adquirida?

A xantopsia adquirida é uma condição oftalmológica que afeta a visão de uma pessoa, causando uma alteração na percepção das cores. Essa condição é caracterizada pela visão de objetos ou ambientes com uma tonalidade amarelada ou amarronzada, tornando difícil distinguir as cores reais. A xantopsia adquirida pode ser temporária ou permanente, dependendo da causa subjacente.

Causas da xantopsia adquirida

A xantopsia adquirida pode ser causada por uma variedade de fatores, incluindo doenças oculares, uso de certos medicamentos, exposição a substâncias tóxicas e lesões oculares. Algumas das principais causas dessa condição incluem:

Doenças oculares

Algumas doenças oculares podem levar ao desenvolvimento de xantopsia adquirida. Por exemplo, a degeneração macular relacionada à idade (DMRI) é uma condição ocular comum em pessoas mais velhas que pode causar a perda gradual da visão central e a percepção alterada das cores. Outras doenças oculares, como a retinopatia diabética e o glaucoma, também podem estar associadas à xantopsia adquirida.

Uso de medicamentos

Alguns medicamentos podem causar xantopsia adquirida como efeito colateral. Por exemplo, o uso prolongado de digoxina, um medicamento utilizado no tratamento de problemas cardíacos, pode levar a uma alteração na percepção das cores. Além disso, certos medicamentos para o tratamento da malária, como a cloroquina e a hidroxicloroquina, também podem causar xantopsia adquirida.

Exposição a substâncias tóxicas

A exposição a certas substâncias tóxicas pode levar ao desenvolvimento de xantopsia adquirida. Por exemplo, a exposição ao chumbo, mercúrio e outros metais pesados pode causar danos à retina e afetar a percepção das cores. Além disso, a exposição a produtos químicos industriais, como solventes e pesticidas, também pode estar associada à xantopsia adquirida.

Lesões oculares

Lesões oculares, como traumas ou cirurgias, podem causar xantopsia adquirida. Por exemplo, um golpe forte no olho ou uma cirurgia mal sucedida podem danificar a retina e afetar a percepção das cores. Além disso, a exposição a altas doses de radiação também pode causar danos aos tecidos oculares e levar ao desenvolvimento de xantopsia adquirida.

Sintomas da xantopsia adquirida

Os sintomas da xantopsia adquirida podem variar de pessoa para pessoa, mas geralmente incluem:

– Visão de objetos ou ambientes com uma tonalidade amarelada ou amarronzada;

– Dificuldade em distinguir as cores reais;

– Perda gradual da visão central;

– Visão embaçada ou distorcida;

– Sensibilidade à luz;

– Dificuldade em ler ou realizar tarefas que exigem uma boa percepção das cores.

Diagnóstico da xantopsia adquirida

O diagnóstico da xantopsia adquirida geralmente é feito por um oftalmologista, que realizará um exame ocular completo e avaliará os sintomas do paciente. Além disso, podem ser realizados testes adicionais, como a perimetria visual, para avaliar a extensão da perda de visão e a alteração na percepção das cores.

Tratamento da xantopsia adquirida

O tratamento da xantopsia adquirida depende da causa subjacente da condição. Em alguns casos, a xantopsia adquirida pode ser tratada com medicamentos que visam tratar a doença ocular subjacente. Por exemplo, no caso da degeneração macular relacionada à idade, podem ser prescritos medicamentos que ajudam a retardar a progressão da doença e melhorar a percepção das cores.

Prevenção da xantopsia adquirida

Embora nem sempre seja possível prevenir a xantopsia adquirida, algumas medidas podem ser tomadas para reduzir o risco de desenvolver essa condição. Isso inclui:

– Realizar exames oftalmológicos regulares para detectar precocemente doenças oculares;

– Seguir corretamente as instruções de uso de medicamentos e informar o médico sobre qualquer efeito colateral;

– Evitar a exposição a substâncias tóxicas, como metais pesados e produtos químicos industriais;

– Usar óculos de proteção em atividades que possam causar lesões oculares;

– Evitar a exposição excessiva à radiação, como a luz solar intensa ou fontes de radiação ionizante.

Conclusão

Em resumo, a xantopsia adquirida é uma condição oftalmológica que afeta a percepção das cores, causando uma tonalidade amarelada ou amarronzada na visão. Essa condição pode ser causada por doenças oculares, uso de medicamentos, exposição a substâncias tóxicas e lesões oculares. Os sintomas incluem dificuldade em distinguir as cores reais, perda gradual da visão central e sensibilidade à luz. O diagnóstico é feito por um oftalmologista e o tratamento depende da causa subjacente. Medidas preventivas podem ser tomadas para reduzir o risco de desenvolver xantopsia adquirida.